Panapaná promove tarde de ‘make’ para o Carnaval

*Texto da jornalista Giovanna Castro

Demorou um pouco, mas chegou… E a justificativa não poderia ser outra, senão os compromissos dessa semana pré e já carnavalesca, que me obrigaram a resolver um montão de pepinos, entre eles uma revisão do carro que me custou os olhos da cara. Mas minha vida financeira não é o tema deste post, e sim o encontro realizado no sábado passado, 26, na loja Panapaná Moda e Arte, das simpaticíssimas Xênia Pinheiro e Jerusa Garrido.

Giovanna Castro
Uma visão geral da loja Panapaná, com peças modernas e bem confortáveis, ideais para o verãozão de Salvador

O Conversa de Menina foi convidado – obrigada, meninas! – para participar da reunião que teve liquidação de belas peças da marca e outras adquiridas pelas sócias para oferecer às suas clientes. Depois de uns picolés de morango, que caíram bem no calorão que fez naquela tarde e alguns petiscos e refrigerante, tivemos uma aulinha de maquiagem comandada pela maquiadora e consultora da Natura, Dani Oliveira (que me reconheceu da época em que eu ainda trabalhava na Assessoria de Comunicação do Ministério Público, eras atrás, onde ela também trabalhou).

Ela fez uma maquiagem para o Carnaval que teve como modelo a blogueira Dani Amorim. Ainda dá tempo de usar, afinal o Carná está apenas começando. A primeira dica, que ela disse ter pego emprestada do maquiador da Natura, Marcos Costa, foi que quando alguém disser que a sua base está linda, corra para o banheiro para retocar, por que a base não deve aparecer, e sim, agregar-se totalmente à sua pele.

Giovanna Castro
As promotoras do evento, nesta ordem, Jerusa Garrido, Xênia Pinheiro e Ariana Rabêlo

Usando produtos da Linha Aquarela da Natura, ela mostrou uma maquiagem rápida em tons de azul e verde que deve ser sempre suave para não derreter no calor da festa e desmanchar a produção. Outra dica legal que ela passou foi uma forma nova de passar o blush. Sabe o truque de abrir o sorriso e aplicar o produto nas maçãs salientes? Esqueça, ou pelo menos experimente usar a dica de aplicar o blush passando o pincel da orelha em direção às maçãs, sem precisar simular um sorriso.

Giovanna Castro
As duas Danis, uma exibindo orgulhosa sua maquiagem carnavalesca, e a outra, feliz com sua obra de arte

Ainda não testei, mas o resultado na modelo ficou bem suave e deu aquele tão cobiçado efeito de saúde. Mais uma dica interessante foi passar a sombra sempre do meio da pálpebra para fora e do meio da pálpebra para o canto interno do olho. O temperamental delineador também foi citado. Dani ensinou que, para as iniciantes, também vale a ideia de aplicar o produto do meio da raiz dos cílios para as extremidades, ou então fazer pequenos traços e uní-los ao final para produzir uma linha perfeita. No caso de errar o traço e o delineador borrar, nada melhor do que passar um velho cotonete embebido com algum óleo cosmético ou hidratante. A mancha sai na hora sem precisar esfregar.

Giovanna Castro
Detalhes da estilosa caixa de picolé forrada por Ariana Rabêlo e também suas cartucheiras

Foi uma tarde bastante agradável e ainda deu para conhecer mais duas blogueiras, Dani Amorim, do Tribo Feminina, e Juli Flor, do Consumoterapia. Também fez parte do evento como parceira das donas da Panapaná, Ariana Rabêlo (anote o twitter, @ARCartucheiras), que faz cartucheiras, uma delas foi sorteada no evento (infelizmente, não fui eu a sortuda) e acessórios.

Um comentário em “Panapaná promove tarde de ‘make’ para o Carnaval

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *