Cuidados diários: o que tenho usado ultimamente

Foi durante o banho que pensei: por que não dividir os produtinhos básicos de cuidados diários que costumo usar? Vocês já perceberam, pelo que leem aqui no blog, que tenho produtos com preços em conta. Até queria comprar as super marcas, mas não ando “podendo”. Então opto por produtos alternativos.

Experimento, aprovo e mantenho o uso até acabar o potinho. Não sou consumista a ponto de possuir vários tipos diferentes de cada produto. Uma coisa ou outra eu até tenho mais de um. No entanto, normalmente uso um produto até acabar. E quando ele vai chegando ao final é que compro outro.

Mas chega de “lenga lenga” e vamos lá. Para facilitar, vou falar de cada um deles. Da maioria, fiz fotos. O que não tem foto (como o sabonete) é porque não tenho mais a embalagem. E vamos ao que interessa.

1. Sabonete para o rosto: Dermotivin para pele oleosa

Comecei a usar este sabonete para o rosto por indicação da minha dermatologista. Antes, usava qualquer coisa que estivesse no banheiro. Não me preocupava muito em comprar produtos especializados para o rosto, até que comecei um tratamento de pele, para tentar minimizar umas manchas causadas pelo sol. A partir daí adotei o Dermativin e uso ele diariamente. Minha pele é oleosa, mas sem exagero. Não tenho espinhas. Gosto que este sabonete consegue segurar bastante a oleosidade da minha pele. Assim que o meu acabar, vou comprar a versão líquida para experimentar. O líquido é mais prático, até para andarmos com ele na bolsa, usarmos em outras ocasiões.

2. Protetor solar para o rosto: Photoderm Max Fluido FPS 100

Também indicação da minha dermatologista. Quando comecei meu tratamento, há uns dois anos, ela me deu algumas sugestões de protetor solar. No início, usava o Episol 50. Um dia, comprei este da Bioderma para experimentar e passei a adotá-lo. Ele também é indicado para peles oleosas. Não sei como ele reagiria em uma pele muito oleosa, mas comigo ele funciona super bem. Costumo usá-lo duas vezes ao dia, a primeira pela manhã e faço uma reaplicação no início da tarde. Depois de espalhá-lo pelo rosto, aguardo uns poucos minutos, e começo a maquiagem. Devo ressaltar que não me maqueio diariamente, só quando dá tempo. Mas ultimamente tenho usado maquiagem básica com mais frequência.

3. Sabonete líquido microesfoliante não oleoso Clean & Clear

Eu já falei dele aqui no blog. Não é diariamente que esfolio o rosto, costumo fazê-lo uma ou duas vezes por semana, depende. Como este produto não faz esfoliação profunda, então dá para usá-lo duas vezes na semana tranquilamente, sem causar danos à pele. Nunca deixo de usar o Dermotivin, mesmo quando utilio este microesfoliante. Normalmente faço ums misturinha dos dois na pele. Passo o Dermotivin e por cima este microesfoliante. Não, ninguém me indicou a fazer assim. Fiz uma vez, gostei, porque meu rosto ficou limpinho e lisinho, e comecei a repetir o processo com mais frequência.

4. Shampoo e creme de tratamento Elsève Colorvive e condicionador Pantene Pro-V

Cheguei a esta combinação também por indicação. Desta vez, do cabeleireiro com quem fiz um selante térmico. Ele me sugeriu produtos de cuidados diários mais caros e eu pedi a ele uma alternativa mais barata. A sugestão dele foi: usar o shampoo e o creme de tratamento para cabelos tingidos da Elsève e o condicionar Pantene também para cabelos pintados. Eu não tenho cabelos tingidos, mas achei a justificativa dele convincente, pelo poder de hidratação dos produtos para cabelos tingidos. Gostei tanto da combinação, que tenho repetido ela há algum tempo. Lavo o cabelo com bastante frequência, pois eles ficam encharcados de suor na academia. E gosto do aspecto de hidratação que este kit tem dado ao meu cabelo, deixando-o macio e com brilho.

5. Sabonete para o corpo Natura (qualquer um)

É isso mesmo, só uso sabonetes da Natura. Adoro o cheiro e a hidratação que ele deixa na pele. Só uso outros tipos de sabonete, quando não tenho os da Natura em casa. Aqui em casa, minha mãe costuma comprar as caixas e sempre repô-las. Gosto tanto dos sabonetes cremosos, quanto dos esfoliantes. O que tiver, eu uso, à exceção do Mate Verde, que não curto muito o cheiro. De resto, não tenho preferências. Para facilitar ainda mais o acesso ao produto, minha cunhada é consultora da Natura, então ela sempre avisa quando tem promoção das caixas de sabonetes.

6. , Óleo Sève Natura Pimenta Rosa

Sou absolutamente apaixonada por óleos corporais. Por muito tempo, usei unicamente o de Amêndoas Doces. Até que a Natura lançou diversos aromas. Ultimamente tenho adotado este de Pimenta Rosa. Uso durante o banho, ainda com o corpo molhado. Passo ele depois do esfoliante corporal que falarei logo a seguir. Eu não uso hidratante corporal, apenas o óleo. Ele tem alto poder de hidratação, deixa a pele super macia. Tem gente que reclama da consistência do óleo, que a pele fica “escorregadia”. Eu uso no banho e o excesso eu tiro ao me enxugar. Não sinto nenhum incômodo com o óleo no corpo. Eu faço a aplicação com massagens. Coloco uma quantidade na mão e passo em cada parte do corpo fazendo massagens no local, para espalhar o produto.

7. Creme de limpeza Bioesfoliante Natura Chronos Corpo

A esfoliação do corpo é uma etapa importante. Este esfoliante da Natura é o que tenho usado ultimamente e estou gostando muito. Ele tem o poder de fazer uma esfoliação potente. Os grânulos de esfoliação são pequenos, mas são bem consistentes e concentrados, então o resultado é muito bom. Uso ele uma vez por semana, depois de passar o sabonete no corpo. Na ordem, passo primeiro o sabonete, uso o esfoliante em seguida e finalizo com o óleo corporal. Como falei antes, não uso creme hidratante no corpo (apenas nos pés e nas mãos). Uma coisa que gostei muito é que ele rende bastante. Você usa um pouquinho e dá pra esfoliar uma parte grande do corpo.

8. Creme esfoliante para os pés de Romã e Chocolate Avon

Esse esfoliante da Avon foi lançado recentemente, junto com um hidratante com a mesma essência. Comprei apenas o esfoliante, pois estou me dando muito bem com o hidratante Hidrafeet, que falei por aqui. Este esfoliante para os pés foi um achado. Ele é super baratinho e funciona muito bem. Ainda tem um cheirinho de chocolate. Particularmente, não gosto muito de cosméticos com aroma de chocolate, acho bem enjoado, mas como é nos pés, o cheiro não se sobressai tanto. E pelos resultados que ele tem apresentado, lido bem com o fato de ele ter aroma de chocolate. Sobre o esfoliante da mesma marca, uma amiga comprou um em minha mão e me fez elogios. Então, fica a dica.

9. Desodorante em creme leite de algodão Natura

Esse desodorante é meu campeão. Já li algumas pessoas comentarem do cheirinho forte dele, mas eu acho uma delícia os produtos da Natura de leite de algodão. Está aí outro produto que rende muito. Não me lembro quando comprei ele, e a embalagem ainda está bem cheia. Eu não experimentei outros aromas de desodorantes da Natura. Uma vez eu comprei este, gostei e comecei a usá-lo com constância. Eu não tenho problemas com desodorantes roll on ou creme, uso qualquer tipo e me dou bem com ambos do mesmo jeito. Ele tem uma durabilidade maravilhosa. Passo o dia inteirinho na rua e consigo chegar em casa com dignidade embaixo dos braços, se é que me entendem.

Basicamente, é isso. E então, meninas, quais são os produtos favoritos de vocês e os que têm utilizado com mais frequência? Ah, e contem se já usaram algum destes citados no post e o que acharam. Breve farei um post sobre a maquiagem básica que uso no dia a dia.

Leia Mais

Adstringentes: quando e porque usar

*Texto e pesquisa de Andreia Santana

A menina Alane, certa vez, me pediu dica de adstringente. Mas indicar produtos é o tal negócio, você indica com base na sua experiência pessoal, nos seus gostos e nos resultados que obteve ao optar por este ou aquele item, desta ou daquela marca. 100% de garantia de que o efeito na sua amiga vai ser tão bom quanto em você, não tem como ninguém dar, nem os fabricantes. Cada caso é um caso e quando o assunto é cosmético, as variáveis são mais frequentes. No entanto, pegando carona no pedido, vamos falar de adstringentes!

O que é e para que serve:

Segundo a Wikipédia, “em biologia, adstringente é o produto que contrai, estreita, reduz, produz constrição, união, ligação; que contrai os tecidos e vasos sanguíneos, diminuindo a secreção das mucosas; contrai ou recobre os tecidos orgânicos, diminuindo as secreções ou formando camada protetora; contrai os tecidos, combatendo diversas moléstias inflamatórias”. Mais adiante, no Infopédia, há esse complemento: “Muitos adstringentes possuem efeitos antissépticos e analgésicos. Usam-se adstringentes no fabrico de cosméticos antitranspirantes (desodorizantes), assim como em loções para o rosto, óleos cutâneos, pós e cremes”.

Resumindo e trocando em miúdos: adstringente é o melhor amigo de quem tem pele oleosa e com tendência à acne, ou de quem precisa de uma limpeza profunda diária não muito agressiva. Mão na roda para remover resíduos de maquiagem e poluição. Geralmente, é usado na etapa pós lavagem do rosto com o sabonete indicado para o seu tipo de pele. E os adstringentes também possuem fórmulas para cada tipo de pele e um efeito levemente cicatrizante e calmante da pele. Mas use com cuidado, porque a pele sente. Por exemplo, se você tem pele muito sensível, evite aqueles com alta concentração de ácido-acetil-salicílico, porque ardem! Também não indico adstringente para quem faz tratamento à base de ácido retinóico ou assemelhados, porque a tendência nesses casos é a pele ficar irritadiça. O ideal, mesmo, é sempre procurar a dermatologista e conversar com ela, até para que indique um adstringente adequado ao seu caso e que combine com os demais cosméticos que você usa.

Os que já usei – avaliação:

Já falei de alguns adstringentes que usei aqui no blog, em test drives e também em posts sobre demaquilantes e cuidados diários com a pele. Para saber mais sobre o assunto e ver também notícias sobre lançamentos de várias marcas, tem uma tag adstringente no blog. Mas, detalho, abaixo, alguns que já usei, começando pelo que estou usando atualmente:

Natura Chronos Loção Adstringente Reguladora – Pele Mista a Oleosa – Esse vem em embalagem de 150 ml e tem um preço que varia de R$ 40,00 a R$ 50,00, a depender do ciclo da revistinha Natura. O que mais gostei nesse produto é que ele de fato remove a oleosidade e deixa a pele sequinha e com efeito mate. Para usar antes da hidratação e da preparação pré-make é muito bom. Indico também para usar à noite, na limpeza do rosto antes de dormir. Tem um efeito ótimo de reduzir o tamanho dos poros. Mas recomendo que, se sua pele é muito sensível, daquelas que arde com qualquer coisa, tome cuidado com ele, pois tem ácido-acetíl-salicílico na fórmula. Não use também sobre as mucosas e tampouco sobre acne inflamada!

Natura Faces Loção Adstringente – É super suave, não agride e nem arde, uso muito como demaquilante e já atei falei da linha toda em outro post sobre produtos para pele com acne. A vantagem é que não contém álcool na fórmula, mas embora prometa, não fecha os poros com tanta eficiência quanto o da Chronos. O preço do Faces é em média R$ 30,00, a depender do ciclo na revistinha, e a embalagem tem 200 ml.

Nívea Visage Tônico Adstringente – Essa linha Visage da Nívea é uma das minhas xodozinhas. Gosto dos lenços demaquilantes e dos adstringentes para pele mista a oleosa e também da versão pele suave. Contém Extrato de Hamamelis e limpa sem arder, além de ter um cheiro suave gostosinho e um preço que cabe no bolso. Em média R$ 25,00 pelo frasco de 200 ml. O efeito anti-brilho em mim não é tão potente quanto o da Chronos, acima, mas tem um efeito de deixar a pele mate e ao mesmo tempo sedosa que muito me agrada. Outra vantagem é que vende em qualquer farmácia e tem ainda a versão pele seca.

Loção Tônica Adstringente Pure Zone L´oreal – Também faz parte dos que vendem em farmácia, vem em embalagem de 200ml e custa em média R$ 20,00. É geladinho logo que você aplica e não é indicado de jeito nenhum para peles secas ou sensíveis, tem ácido-salicílico na fórmula e no caso das peles secas, deixa ainda mais seca. No meu caso, apesar da pele oleosa, deu um efeito negativo, descamou com o uso continuado, mesmo eu não fazendo nenhum tratamento á base de ácido. Desisti dele por isso.

Clean Face Bio Séve – Uma boa vantagem desse, logo de saída, é o preço camarada: em média R$ 12,00 pelo frasco de 200 ml. A consistência dele é meio grudentinha, tipo uma espuma e depois que você espalha no rosto com o algodão, seca como se fosse uma película. É bem suave, não arde e limpa os poros com eficiência. Mas não acho muito eficaz para controlar o brilho e não gosto muito da sensação da espuminha grudenta, daí que sempre que uso ele, dou uma enxaguada no rosto com água fria, para remover o excesso. Em casos emergenciais, porém, já me socorreu bastante, sobretudo na falta de demaquilante.

Clearskin Loção Adstringente Avon – A marca ainda não acertou nessa linha, prefiro bem mais a Clearskin Professional. Esse adstringente já mudou de embalagem diversas vezes, mas ainda não acertou na fórmula. É a base de ácido-salicílico e para mim a concentração é forte, porque esse, na minha pele ao menos, agride bastante e também resseca e descama com o uso continuado. Abandonei. O preço é na faixa de R$ 13,00, o frasco de 150 ml. Sempre está em promoção nos ciclos da revistinha Avon.

Clean & Clear Johnson & Johnson – O bacana dessa linha é que tem para todo tipo de pele, sempre uso o de pele sensível, e também é fácil de encontrar. A fórmula é a base de ácido-salícilico, mas a concentração não agride tanto a minha pele quanto o da Avon, acima. Noto um bom efeito de limpeza e  fechamento dos poros, mas não resolve a questão do brilho eterno. Na hora que uso até sim, fica tudo sequinho e mate, mas algumas horas depois, tem óleo para todo lado, principalmente na famigerada Zona T (testa, nariz, queixo). Ele melhora muito o desempenho quando associado ao hidratante para pele com acne, da mesma linha. Os dois juntos já dão uma segurada legal no brilho e ajudam a diminuir a aparência vermelhinha da acne. Mas não use sobre espinhas inflamadas demais! A média de preço é R$ 20,00 pela embalagem de 200 ml. Dá para achar em qualquer farmácia.

Higiporo Davene – Dessa linha já usei o verdinho (pele oleosa e com acne) e o roxinho (pele mista). Há ainda uma versão rosa, para pele normal a seca. Prefiro o verde, que é mais suave, já que o roxinho arde um pouco na minha pele. Esse sempre tenho no banheiro, porque é baratinho, média de R$ 10,00 o frasco de 120 ml, vende em farmácias e supermercados e é eficiente, embora não com 100% de acertos. As vantagens: limpa mesmo, removendo células mortas, poeira, resíduos de make; não agride a pele, tem cheirinho suave, deixa o rosto com sensação fresquinha e macio. Desvantagens: não segura o brilho por muitas horas e nem fecha os poros totalmente.

E você, já usou alguma outra marca e quer indicar? Fique à vontade para comentar o post. Vou adorar também se dividir suas impressões sobre os produtos citados acima!

*Andreia Santana, 37 anos, jornalista, natural de Salvador e aspirante a escritora. Fundou o blog Conversa de Menina em dezembro de 2008, junto com Alane Virgínia, e deixou o projeto em 20/09/2011, para dedicar-se aos projetos pessoais em literatura.


Leia Mais

Óleo infantil para remover maquiagem

Meninas, estou passando aqui rapidinho para dividir uma descoberta com vocês. É possível até que vocês já tenham feito o mesmo experimento e tenha funcionado. Mas, mesmo assim, melhor dividir, não é? Vai que tem alguma atrasada aí que nem eu, que nunca havia feito o teste antes. Vamos ao contexto: ontem, cheguei em casa tarde de uma comemoração, estava doidinha atrás do meu demaquilante e nada de ele aparecer. O desespero em busca de alguma coisa cega a gente, não tem jeito. Pois bem, nada de encontrá-lo, e o rosto estava todo coberto de maquiagem.

Acabei pensando em um plano B, ao avistar o meu frasquinho do óleo de bebê da Johnson´s. Havia comprado ele há uns dois dias, e a embalagem ainda estava fechada. Decidi fazer o teste e usei o óleo infantil para remover a maquiagem. E não é que funcionou? E funcionou muito bem, por sinal! Consegui remover toda a maquiagem – e até o rímel – sem esforço. No início estava com um pouco de medo de o rímel borrar e fazer aquela meleira, mas nada disso aconteceu. O óleo tirou todo o rímel do olho sem borrar nadinha.

Agora, claro, depois de todo o procedimento, meu rosto ficou óleo puro (e minha pele já é oleosa, inclusive, e brilha por natureza). Mas também não tive problema com isso, não. Optei por utilizar o sabonete líquido de limpeza facial microesfoliante Clean & Clear, também da Johnson´s. Ele não possui óleo em sua composição, e deixou minha pele bem limpinha, e o que é mais importante, tirou todo o resíduo do óleo. Depois, passei o produto receitado por minha dermatologista e fui dormir feliz da vida.

Não sei se o uso prolongado do óleo como demaquilante tem algum efeito negativo para quem tem pele oleosa, mas nesse primeito momento, achei bem bacana o resultado. Vou fazer mais testes, usá-lo com mais frequência, e com o passar do tempo volto aqui para comentar com vocês. Ah, pior foi ver que o demaquilante estava logo ali na minha frente o tempo inteiro e eu não vi. Mas já era tarde!!! E vocês, meninas? Têm alguma experiência com uso de outros produtos como demaquilante? Já experimentaram também o óleo infantil?

Leia Mais