‘Roupitchas’ para brincar e ser criança

*Texto da jornalista Giovanna Castro

Uma das melhores coisas de ser criança é poder brincar, se jogar no chão e fazer travessuras sem se preocupar com mais nada na vida. Agora, é certo que não dá para se divertir com roupa apertada ou com sapatos desconfortáveis (correr de saltinho deve ser um desafio, mesmo para as meninas mais impetuosas, não é verdade?).

Apostando no conforto das mocinhas, a Kids Company desenvolveu uma linha especial para as meninas que já despertaram para a moda mas não têm paciência de ficar se mantendo impecavelmente arrumadas, como se fossem adultas em miniatura.

Segundo a assessoria da marca, que nos enviou o material, são roupas maleáveis, com costuras estrategicamente pensadas para permitir todos os tipos de movimento e tudo feito em tecidos frescos, leves, bem coloridos e fashion. Sem falar nas estampas, marca registrada da Kids Company. Dá uma olhada nas roupitchas abaixo e em outras delícias divertidíssimas no site da marca.

Divulgação
Além de confortável, a calça ainda serve de proteção pra uma eventual queda ou escorregão
Divulgação
Bolerinho é tudo de bom e esse shortinho me lembra os tempos de infância, da bermuda "fofolete"
Divulgação
De novo o bolerinho, agora combinando com graciosa saia de babadinhos
Divulgação
Para quem gosta, a praticidade do jeans é uma vantagem
Divulgação
Vestidinho com estampa do tempo da vovó, muito delicado
Divulgação
Vestidinho amplo, com saia rodada e estampa xadrez super fashion é muito confortável
Divulgação
Cores e conforto estão bem harmonizados neste 'little look'

Leia Mais

Crocs, sapatilhas e pijama para o friozinho do inverno

O inverno é a estação do ano em que nos vestimos com mais elegância. Os casacos, calças, vestidos mais pesados, botas, saias, as meias fio 40, e uma infinidade de peças e acessórios transformam qualquer mulher em uma lady nessa época do ano. Mesmo quando a grana é curta e não dá para comprar no Empório Armani, nas lojas de departamento, em 5x sem juros no cartão, é possível montar sobreposições bonitas, antenadas com as tendências e com o estilo de cada uma. O negócio em moda, cada vez me convenço mais disso, é mais a criatividade e o autorespeito do que exclusivamente uma questão de conta bancária. É por isso que aqui no blog fazemos questão de divulgar coleções para todo tamanho de bolso e tipo de gosto, dos mais básicos aos mais exigentes. Tem um lado do inverno, por exemplo, que é menos glamour e mais conforto. Pessoalmente, adoro pijamas quentinhas e sapatos confortáveis e larguinhos que compõem um visual despojado. Separei algumas dicas nessa linha e com preços camaradas para as interessadas. Confiram abaixo e para ampliar as imagens, basta um clique sobre elas:

Crocs Pererê e Grendene Kids

Os crocs são aqueles calçados de rosto bem largo, desenvolvidos para o uso em embarcações, por serem anti-derrapantes, mas que cairam no gosto popular e são sinônimo de conforto. Os modelos de inverno que chegam ao mercado são revestidos internamente de pêlo sintético, liso e com estampa xadrez. O crocs Blitzen – à venda na loja Perere – chega nas cores rosa e azul, além de bege, chocolate e preto.

Onde encontrar:
Na loja virtual: www.lojaperere.com.br. Pelo telefone (11) 3814-4313 ou email [email protected]  Ou na loja física: rua Mourato Coelho, 1407, no bairro da Vila Madalena, em São Paulo.

Já a Grendene Kids, também investe no modelo, com ampla cartela de cores, alça que envolve o calcanhar  e garante segurança para o pé dos pequenos. Dá ainda para combinar com ou sem meia. Para as meninas tem a versão Hello Kitty, nas cores rosa pink, rosa claro, vermelho, roxo e branco. Disponíveis nas numerações 23 a 36. Preço sugerido: R$ 44,99. O do Ben 10 promete ser a sensação da temporada entre os garotos. Vem nas cores do super-herói – preto, verde e azul, com uma imagem do personagem que brilha no escuro. Disponível na numeração de 23 a 36, o preço sugerido é R$44,99. Para os bebês, além da Hello Kitty, tem com estampa do Homem Aranha para meninos. Disponíveis nos tamanhos entre 17 a 22, com preço sugerido de R$34,99.

Onde encontrar:
SAC Grendene: 0800-9798898.

Xadrez e conforto na Zig Zag Shoes

A multimarcas aposta no xadrez em diversas padronagens e cores para aquecer os pés no inverno, com estilo. Popularizado nos anos 90, pelo movimento grunge (dos roqueiros de Seatle como o Nirvana), o xadrez inspira criações como as das fotos abaixo:

Onde encontrar:
Na loja virtual: www.zigzagshoes.com.br. Pelo telefone: (19) 3407-6997. Ou nas lojas físicas de Americana (SP): Rua 12 de Novembro, 237 – Centro. Tel.: (19) 3461-3583; e Santa Barbara d’Oeste (SP): Rua João Lino, 277 – Centro. Tel.: (19) 3455-2941

Sapatilha Zaxy/Grendene Eclipse – totalmente cinematográfica!

A marca Zaxy, criada pela Grendene em 2008, lançou uma versão de sapatilha batizada com o nome Eclipse, em homenagem a trilogia Twilight, para o inverno das adolescentes. Versatilidade, conforto, design clean e detalhes modernos como grafismos inspirados no terceiro filme da saga, que chega aos cinemas no dia 30/06. A sapatilha está disponível em dois modelos – estampado e liso – e em quatro opções de cores – branca, chumbo, preta e vermelha. A tira assimétrica com apliques de metal, que cruza o pé, é um detalhe que dá mais charme a peça. A sugestão de preço  é de R$ 39.90.

Onde encontrar:
Sac Grendene: 0800-979-8898. Ou no site da marca: www.zaxy.com.br

Bons sonhos com pijama quentinha da DeMillus:

Para o aconchego das noites de frio, a pijama DeMillus Flor, confeccionado em malha de puro algodão, promete aquecer com charme. A malha da calça e das mangas tem estampa de flores e, para completar, há uma estampa em fundo branco, na parte da frente da blusa. Os tamanhos vão do P ao EG. O preço é R$ 45,00.

Onde encontrar:
SAC DeMillus – 0300-7892115. Ou no site, onde dá para baixar a revista virtual: www.demillus.com.br

Leia Mais

Tênis inspirado na capoeira e nas artes marciais

Há quem defenda que a capoeira, dança-luta de origem afro-brasileira, tem, além do “borogodó” baiano,  uma pitada de arte marcial milenar. Ao menos a capoeira praticada de meados do século XX para cá. Recentemente, inclusive, quem viu o filme Besouro – que tenta explicar a origem do mítico personagem Besouro Cordão de Ouro, capoeirista do começo do século XX no recôncavo baiano – percebeu que os saltos mortais e as cenas de confronto não devem nada a Jack Chan ou Jet Li. O filme é um deleite visual nesse aspecto.

Mactelo, conforto de sapatilha e resistência de tênis

Pois bem, com base nesse universo de “homens voadores”, a Adidas lançou o tênis Mactelo, inspirado na capoeira. Moderno, apostando em novas cartelas e refazendo as clássicas listras da marca, o Mactelo tem foco no conforto e ganhou pala sobre os atacadores – para uma maior anatomia – forro em têxtil, palmilha de acabamento em EVA, corte a laser para o máximo de tração e confecção em pele.

Uma dica: compre um número acima do seu tamanho habitual.

Serviço:

Onde encontrar o tênis Mactelo?

Em Salvador, esse modelo é vendido com exclusividade na Artwalk – Shopping Iguatemi – 2º piso / Tel: (71) 3450-2398

Leia Mais

Lingeries: Bonitas por dentro e por fora

Vi na TV no último domingo, um daqueles quadros sobre moda e estilo com a Glória Kalil, no Fantástico, que falava justamente de um dos itens do vestuário feminino que mais gosto de comprar: lingeries. Gasto bastante tempo nestas sessões, escolhendo peças que sejam tanto bonitas quanto confortáveis. Na reportagem, Glória Kalil, conceituada autoridade em moda no país, falava da importância de se manter o vestuário impecável por dentro e por fora. Ou seja, tanto a roupa que escolhemos quanto a lingerie tem de ser bonitas, agradáveis, combinar com nosso estilo pessoal. Faz bem para a auto-estima e não é papo da indústria da moda para vender mais peças. De fato: quando cuidamos da aparência, demonstramos nosso estado de espírito, sem exageros claro! Vendo as dicas de Kalil, lembrei de alguns conselhos da minha avó. Ela sempre dizia que não adiantava nada se “emperequetar” toda para sair, caprichar na make e usar sutiãs com as alças elastecidas e calcinhas com furos. Nascida no começo do século XX, nos idos de 1902, toillete para minha avó era tema muito sério, “pois o zelo de uma moça consigo mesma estava em detalhes aparentemente imperceptíveis como o trato das unhas, o cheiro de água de rosas nos cabelos, o rouge para corar as faces, combinações e anáguas impecáveis”.

Abaixo, alguns novos lançamentos de lingerie da DeMillus, para inspirar vocês:

Coleção Videnza

É confeccionada em microfibra elástica e tule com delicado bordado.
Sensual e requintada, a Camisola Videnza, em jersey microfibra, tem taças em tule bordado e sugestiva abertura frontal. E para atender ao gosto de cada mulher, são duas opções de sutiã: o Videnza, que prima pelo conforto, vem com taças em espuma moldada e tule drapeado, sem aro; e o super-up Vectra, para quem deseja dar uma “levantada”. Vem com taças espumadas e suporte, além de enchimento removível. As calcinhas também vêm em duas versões: biquíni com frente em tule, costas em microfibra e laterais em elástico duplo; e fio-dental, sem costura na bainha, com detalhes de rolotê e lacinho na frente.

Coleção Chic DeMillus

Confeccionada em tule, com exclusivo bordado e elastano, em uma sofisticada combinação de preto e branco. São duas opções de modelagens. Para a mãe mais jovial ou que gosta de lingerie mais cavada, o Sutiã Chic DeMillus, com taças em espuma moldada, drapeado nos bojos e suporte, e o Biquíni Chic. Para a que tem seios mais volumosos, o ideal é o Sutiã Taça C Cin, com forro em matelassê e suporte. Se a preferência for por calça mais comportada, a Calça-short Cin é o complemento ideal.

Serviço:
Onde encontrar as peças e conferir preços?
SAC DeMillus – 0300-7892115
Site da marca: www.demillus.com.br

Leia Mais

Pule atrás do trio de tênis e descanse de mule

Ainda faltam três dias para o Carnaval acabar, mas sempre rolam as festinhas de “ressaca” e os carnavais fora de época, então, a dica abaixo cabe direitinho nestes dias momescos. O bom é que depois da muvuca, combinam perfeitamente com as tardes de finalzinho de verão. Estou falando de sapatos, melhor dizendo, de tênis e mules, duas invenções abençoadas – pelo menos para mim que sou adepta convicta do estilo sportwear – uma “natureba urbana” como diz uma amiga minha. Pois bem, para outras meninas que gostam de andar na moda, mas não abrem mão do conforto, a Tryon lançou um modelo de tênis sugestivamente chamado Dream (é o sonho mesmo gente!)

Com cores e detalhes superfemininos, o Dream apresenta tecnologia Comfort Air, um tecido de microestruturas aplicado em seu cabedal, que garante melhor ventilação aos pés. O amortecimento Damper, em placas de discos com toque em gel, proporciona um visual mais moderno e maior segurança durante a passada. É ideal para caminhadas leves, ir à academia ou mesmo trabalhar (se o seu ambiente de trabalho for mais informal como graças a Deus são as redações de jornal). As cores disponíveis são branco/prata/vermelho; branco/prata; branco iron/Violet ice; preto/bordô e o preço sugerido: 109,90

Serviço:

Onde encontrar o Dream da Tryon?

SAC da marca: (11) 3095-2375

Visite o site: www.tryon.com.br

Mules – A outra dica é uma mistura super estilosa que a Orbis Shoe fez: uniu o clássico modelo dockside, da Sabago, com os mules, que eu acho muito charmosinhas. Versáteis, ecléticos e confortáveis, os mules prometem marcar presença nos pés das mulheres mais antenadas neste intermezzo entre o verão e o inverno. O modelo, usado na década de 40 como chinelo feminino de quarto, ganha novas formas e cores e vai bem com  jeans, calças mais largas, saias curtas ou na altura do joelho e shorts.

Serviço:

Visite o site da Orbis Shoes para saber onde encontrar os mules.

Leia Mais

Ainda é tempo de chinelinho

Minha irmã coleciona chinelos e descobre cada um mais lindinho que o outro. Do chinelo de praia aos “de festa”, os mais arrumadinhos, que mais parecem uma boa e confortável rasteirinha para combinar com os vestidos e shortinhos leves do alto verão, a ordem no guarda-roupas dela é o conforto. E quem não gostaria, de vez em quando, de trabalhar usando um aconchegante chinelinho? Para inspirar quem também é adepta, destaco dois modelinhos muito gracinhas da Funny. A coleção da marca tem tira com gliter e aplicação de estampas coloridas na sola, além de salto plataforma, para as meninas que  não descem das alturas nem na hora de relaxar o pezinho. Os modelos estão disponíveis nas cores: violeta/branco, rosa, violeta, preto, prata e ouro. O preço sugerido também cabe direitinho no bolso, R$ 24,90. E para quem quer saber onde adquirir os produtos, anotem aí o SAC da Funny: 0800 728 2010.

Leia Mais

Para os pés das meninas de todas as idades

SAPATILHA DA BARBIE by Grendene Kids

A Grendene Kids lançou a nova coleção de sapatilhas da Barbie. Com cores fortes e vibrantes, a sapatilha segue a tendência em valorizar calçados em plástico, criando peças que combinadas com os acessórios corretos podem ser usadas em diversas ocasiões, para montar looks leves e divertidos.  Com design todo vazado com multibolinhas, a sapatilha traz no cabedal uma tira inteiriça, que dá mais segurança ao andar. O charme fica por conta do laço em tecido, arrematado por um pingente da silhueta da Barbie. O calçado está disponível nas numerações 23 ao 34. O preço sugerido é R$ 29,99.

Para saber onde encontrar as sapatilhas da Barbie na sua cidade, indicamos que entre em contato com o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) da Grendene. O telefone é 0800-9798898.

BOTA FORA DANSKO NA LOJA PERERE

Para quem adora um salto alto, mas sem abrir mão do conforto, a loja Perere realiza um bota fora imperdível. São diversas cores e modelos de sandálias e tamancos da marca dinamarquesa Dansko, com preços de R$ 325 por R$ 150. Ideais para o verão, as opções têm estampas de florais a xadrez, além de lisas em diferentes cores. O bota fora Dansko é válido até 30 de novembro ou final dos estoques.

A loja Perere atende e distribui para todo o Brasil, através do telefone (11) 3814-4313 ou pelo email [email protected] Está localizada na capital paulista, rua Mourato Coelho, 1407, no bairro da Vila Madalena.

REVIVAL DOS ANOS 80

Atitude rapper também para as meninas, que podem abusar do hit do momento, os tênis sneaker, um dos clássicos do sportwear,  que na versão da Reebok fez a cabeça das mulheres antenadas dos anos 80. A marca relança o  modelo Top Down, de cano alto, que virou febre entre os apaixonados pelo sportwear. Feito de um material flexível, de cetim e forro estampado de algodão, que pode ser usado com a aba para cima ou para baixo. A nova versão  do Top Down surge com a delicadeza do brilho do cetim, bem no estilo hip hop. Já  as estampas de corações sugerem um ar romântico, mas sem abandonar a atitude exposta na super logo da marca – bem anos 80 –  e na possibilidade de troca de cadarços  para combinar com a logo e a sola.

Onde encontrar em Salvador?

O Sneaker  Top Down Reebok pode ser encontrado nas  lojas Artwalk em todo o Brasil. Na capital baiana, a loja fica no Shopping Iguatemi – 2º piso – (71) 3450-2398.

Leia Mais

**Artigo: Conforto ou acomodação?

O texto que publicamos hoje foi escrito por Nino Albano, experiente consultor na área de TI e de recursos humanos em diversas empresas multinacionais. Mas essas palavras, embora sejam voltadas, originalmente, para o público empresarial, falam de motivação, um conceito que se aplica a todas as profissões, uma palavrinha que deve ser transformada em meta de vida. Nada mais triste do que fazer qualquer coisa, do lazer ao projeto de carreira, sem motivação. Nada pior do que se acomodar a uma situação conveniente e dali nunca sair, jamais alçar vôo ou buscar novos desafios. Mas, segundo Nino, conforto é outra coisa totalmente diferente. A busca por conforto é o que nos move, nos motiva a seguir em frente em todos os momentos, sejam árduos ou aqueles que exigem superação e vontade. Vale a pena conferir:

Conforto ou acomodação?

Nino Albano*

confortoOuço muita gente falar sobre a “zona de conforto” como se ela fosse um dos personagens principais de nossas operações. Dizem que quem se encontra nela, não está disposto a mudar, e já ouvi discursos inflamados sobre a necessidade de sair da zona de conforto para fazer com que as coisas mudem.

Mas eu fico pensando sobre ela e tenho uma percepção diferente de tudo que eu ouço. Inicialmente vamos definir “conforto”. Segundo o Aurélio, é o “estado de quem é confortado” e confortado, por sua vez é o adjetivo para “fortalecido, animado”. Então vem a pergunta: Por que teríamos que sair dessa tal zona, se quando a encontramos estamos bem?

A zona de conforto só poderia ser aplicada ‘a quem já atingiu seus objetivos e agora se apega a melhoria contínua para uma atividade ou ação que se adéqua ‘as suas necessidades e expectativas. Em outras palavras, ninguém deveria sair da zona de conforto. É lá que encontramos o melhor de nosso desempenho.

Agora, o Aurélio também diz que “acomodação” é a “tendência a conformar-se com qualquer situação; conformismo”. E essa sim é a zona perigosa. O que todos tentam nos vender como zona de conforto é um lugar de onde deveríamos sair, quando na realidade ela deveria ser vista como nosso objetivo profissional e de vida. Costumam dizer que quem está nela, não quer mudar. Pois eu digo que todos mudam se o apelo à mudança for agradável, necessário e gerador de oportunidades.

O KCS – Knowledge-Centered Support, metodologia que tem como base o suporte estruturado no conhecimento, diz que cada grupo de interessados em alguma coisa, busca o WIIFM – What in it for me? Ou, o que isso tem de bom para mim? Não se trata de querer levar vantagem em tudo, mas sim saber por que o esforço está sendo aplicado. Se fizer sentido e trouxer retorno para o individuo, para o grupo e para o negócio, a mudança é facilmente executada, pensando na tão sonhada zona de conforto.

relaxMas há aqueles, que não querem mudar, pois não se sentem motivados, não gostam do que fazem e não acreditam que no final existem benefícios para eles. Para esse grupo, as mudanças são as coisas mais chatas e difíceis que existem. Eles estão na “zona de acomodação”. São as pessoas conformadas com o lugar que estão. Elas normalmente têm medo de crescer e se sentem ameaçadas por desafios, por isso dificilmente se sentirão confortáveis com alguma coisa, e rotineiramente reclamam pelos corredores que tudo está errado.

Cabe a nós, responsáveis por centrais de atendimento, identificar os profissionais que estão interessados em conquistar, em realizar e aqueles que se acomodam nas suas rotinas. Dos dois grupos podemos extrair coisas boas, mas de formas diferentes, e com atitudes diferentes. Se não nos atentarmos para esse fato, podemos conduzir nossas equipes a conflitos que podem ser evitados.

De qualquer forma, volto a insistir. “zona de conforto” não é o que todos costumam falar. Pensem nela como objetivo e morram de medo da “zona de acomodação”.

*Nino Albano é Diretor de Planejamento Estratégico do HDI no Brasil.

**Material enviado ao blog através da assessoria de comunicação da HDI.

Leia Mais

Moranguinho em forma de sapatilha, um mimo!

A nova coleção Baby, da Grendene Kids, traz sapatilhas que são uma gostosura, como a própria personagem que estampa os modelos: a eterna Moranguinho. Feitas em tecido, as sapatilhas têm formato arredondado e estampa em poá que remete à textura dos morangos. Detalhe para o elástico com babadinhos, que além de serem um mimo, proporcionam segurança à pisada da criança.

Onde encontrar: magazines e lojas de calçados em todo o Brasil

Cores disponíveis: vermelha, rosa e lilás

Tamanhos: 17 ao 27

Preço sugerido: R$ 34,99

Leia Mais