Receita da Semana: Mousse de Chocolate

Mousse de chocolate é a sobremesa favorita da minha irmã e modéstia à parte, ela gosta da guloseima do jeitinho que eu faço. Minha mousse, de uma forma meio inesperada, acabou ficando famosa nas rodas de amigos e até internacionalmente, quando uma conhecida resolveu fazer a receita para um grupo de italianos que visitava a ong onde ela é voluntária. Pedindo perdão ao papa Bento XVI pelo pecado da gula, os ragazzos se esbaldaram.

No filme Chocolate, Juliete Binoche é herdeira de receitas milenares da sua mãe e abre uma chocolateria numa cidadezinha conservadora, revolucionando a vida das pessoas do lugar. Amo a metáfora desse filme e a forma de tratar a culinária como alquimia. O efeito de uma comidinha gostosa no humor é mesmo mágico!

Começou assim a trajetória da mousse: Um belo dia, lá pelos meus 19 anos, uma amiga da minha mãe me mandou uma receita de sobremesa rápida.  Estava de férias das aulas, queria alguma coisa gostosa para o lanche e essa amiga enviou uma receitinha daquelas que levam trinta minutos para ficar pronta. Com o passar do tempo, depois de aprender a fazer a mousse pelo jeito básico, comecei a colocar um toque pessoal na mistura. Em casa, nos aniversários, ou em festinhas de amigas, quando cada uma de nós leva um prato especial, sempre sobra para mim a sobremesa: a mousse de chocolate, claro!

Sou chocólatra assumida e não tenho a menor vontade de me tratar do vício. Perdi a conta das vezes em que assisti Chocolate (Lasse Hallström, 2000) e Como água para chocolate (Alfonso Arau, 1992) dois deleites culinários e cinematográficos que me dão água na boca e ao mesmo tempo, alimentam a alma.

Em Como Água para Chocolate, outro deleite gastronômico em película, Alfonso Arau explora a relação da comida com a sensualidade e a poesia

Com tantas referências “chocolatícias”, escolhi justamente a famosa mousse para abrir a nova série do blog, Receita da Semana, que vai trazer uma coisinha gostosa toda segunda-feira para vocês (prometo coisinhas lights também, mas hoje resolvi começar logo com uma dose generosa de seratonina). Não sou especialista em culinária, sou é curiosa, gosto de experimentar. Nunca fiz curso, workshop, nada isso. Leio uma coisinha aqui e outra ali, meto a mão na massa, futuco a internet, fico rondando as minhas tias (a mulherada da minha família adora uma cozinha). Faço um caderno desde a adolescência, onde coleciono desde truques e dicas aprendidos com amigas, familiares e nos programas da tv, até os rótulos de produtos que trazem receitinhas no verso (adoro testar as sobremesas ensinadas nos rótulos de leite condensado, hummm, delícia!). Ou seja, nada especializado, mas sempre com o espírito de celebração que a gastronomia proporciona. E para quem já está com água na boca, segue a receita, consumam sem moderação!

Gosto sempre de usar tigelas de vidro para misturar a mousse em todas as etapas do preparo da receita, porque não deixam cheiro e nem alteram o sabor final da guloseima. Mousse de chocolate com cheiro de outra coisa que não seja chocolate perde todo o encanto

A minha mousse eu faço assim:

2 latas de leite condensado

2 latas de creme de leite sem o soro

seis claras em neve batidas em ponto de suspiro (sem o açúcar!)

seis colheres de sopa de chocolate em pó

Uma barra de 170 gramas de chocolate meio amargo (em raspas)

Leve o leite condensado e as seis colheres de chocolate em pó ao fogo e mexa como se estivesse fazendo um brigadeiro (sempre acrescento uma colher de sopa rasa de margarina, para não grudar na panela). Retire do fogo quando começar a soltar da panela, não deixe chegar no ponto exato do brigadeiro e nem deixe empelotar, o segredo é ficar mexendo sempre. Reserve e deixe esfriar em uma tigela de vidro. Em outra tigela de vidro bata as claras em neve até a mistura ficar bem durinha (é o ponto de suspiro). Misture o creme de leite com as claras e mexa bem, até ficar homogêneo.  Junte o seu brigadeiro meio mole com essa mistura de creme de leite com clara batida, vá misturando bem, até ficar homogêneo, quanto mais você mexer, mais macia ficará a mousse. Dê o toque final espalhando em toda a superfície as raspas do chocolate meio amargo. Leve à geladeira e pronto, na hora que suas visitinhas chegarem é só servir e esperar o revirar de olhinhos…

Um comentário em “Receita da Semana: Mousse de Chocolate

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *